Curiosidades do Sono

Ronco: saiba o que é, as causas e as soluções

Ocasionalmente as pessoas tendem a roncar e isso pode acontecer em qualquer momento da vida. Apesar de não ser uma preocupação tão pertinente, ainda há alguns problemas que podem ser evitados se o ronco for tratado e entendido mais a fundo. Hoje, nós da Feliz Acordar separamos algumas curiosidades e soluções para esse inimigo do sono de muitas pessoas.

O que é o ronco?

O ronco é um ruído que ocorre quando existe a passagem de ar pelos tecidos relaxados da garganta durante o sono, causando vibrações sonoras. Até mesmo a posição da língua pode ser uma das causadoras desse fenômeno, por isso algumas dicas são imprescindíveis para quem sofre com isso e não aguenta mais.

Segundo estudos, esse fenômeno pode acontecer tanto em um período frequente quanto somente em alguns momentos da vida, e isso pode gerar algumas complicações.

Primeiro porque não é um incômodo apenas para quem sofre com o ronco, que pode acabar perdendo as fases do sono, mas também para quem convive com alguém que ronca, uma vez que o ruído pode perturbar o sono dessas pessoas.

Por que roncamos? Entenda as possíveis causas

O ronco é o som da respiração obstruída que pode ser causada tanto por alguns fatores básicos, como tecido da garganta volumoso, desvio de septo, tônus muscular baixos, até mesmo alguma causa natural vinda de resfriados ou gripes, que podem bloquear a passagem de ar nas vias aéreas. Vejamos algumas possíveis causas:

Anatomia bucal

As vias respiratórias podem ficar estreitas dependendo da espessura de seu palato, ou mais precisamente, o céu da boca que chega até as vias aéreas. Não só isso, mas também existem alguns casos em que podem existir tecidos extras na parte de trás da garganta.

Consumo de álcool ou alguns medicamentos

O consumo de álcool ou de alguns medicamentos de relaxamento muscular, ou com outros ativos que levam o relaxamento físico, pode ser grande causador desse fenômeno, pois esses itens deixam os músculos da garganta relaxados, o que acaba diminuindo as defesas naturais contra a obstrução do ar.

Posição de dormir

Existem diversas posições para dormir e algumas delas podem estar sendo as causadoras do seu ronco. Se você costuma dormir de costas e percebeu que está roncando muito ultimamente, esse pode ser um sinal de você tentar outra posição.

Quem dorme de costas está obstruindo as passagens de ar das vias respiratórias, porque o efeito da gravidade na garganta acaba estreitando as vias aéreas.

Privação de sono

Para as pessoas que têm poucas horas de sono, ao contrário da clinomania, gera-se um cansaço excessivo e isso pode fazer com que a garganta fique relaxada com mais facilidade, trazendo o ronco como um morador desses poucos momentos de reposição de energia.

Para evitar isso, durma mais e com mais qualidade para começar a sentir a diferença e dar mais tempo para seu cérebro descansar e poder realizar os acontecimentos naturais sem complicações e desgastes.

Apneia do sono

A apneia do sono é uma doença grave que pode causar até mesmo problemas cardiovasculares. Ela acontece quando existem breves interrupções na respiração durante o sono e é tão pertinente que pode acontecer de 20 a 30 vezes a cada hora.

A partir dessas pausas ininterruptas, a pessoa perde muito tempo de sono, isso acontece porque os níveis de oxigênio do sangue caem e, consequentemente, o sono profundo é interrompido pelo cérebro.

Cuidados e outros fatores do ronco

É muito importante ter o controle e o monitoramento de sua noite de sono, pois essa análise pode te ajudar a descobrir com mais clareza o que está causando o problema na hora de dormir. Antes de tirar suas conclusões, nós recomendamos consultar um médico também para que, se acaso for um motivo mais grave, ele tome as medidas cabíveis. Dito isso, confira agora alguns outros fatores e características que definem seu caso.

Tipos de roncos e o que cada um indica

  • Ronco de boca fechada: se você percebeu que só ronca com a boca fechada, pode ser algum problema com a língua, então, procure um profissional da saúde para ter o tratamento adequado e não prejudicar ainda mais sua qualidade do sono;
  • Ronco de boca aberta: os tecidos da garganta podem ser os fatores mais claros do ronco com a boca aberta, sejam eles grandes ou apenas alguma movimentação que esteja obstruindo a passagem de ar, aqui também é interessante a consulta com um médico;
  • Ronco ao dormir de costas: assim como dissemos anteriormente, dormir de costas pode prejudicar a sua saúde do sono,uma vez que obstrui a passagem de ar e causa não só o ronco, mas também outras complicações.

Viu só quantas possibilidades e curiosidades sobre o ronco? Aqui você sempre fica por dentro de tudo sobre a saúde de seu sono. Agora que você já sabe um pouco mais sobre o ronco, entenda também como acordar cedo e com disposição após uma noite tranquila e renovadora. Até a próxima!

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo